Renda extra em casa – Prós e Contras de ser o próprio patrão

Ter renda extra em casa é o sonho principal das pessoas que estão desempregadas e não conseguem recolocação no mercado.

Outro ponto importante e que é super atual é o “boom” do empreendedorismo, até pelas facilidades que existem de trabalhar pela internet.

Mas, o que realmente ocorre é que com toda essa procura acaba existindo muita especulação e algumas pessoas, querendo apenas vender produtos, fantasiam o trabalho em casa como um paraíso perfeito.

Nesse artigo eu poderia colocar 50 formas de ganhar renda extra em casa, mas decidi falar um pouco dos bastidores do que é realmente empreender, no meu caso, dentro do marketing digital.

Você já deve ter ouvido falar dos milhares de reais que alguns afiliados mostram por aí como resultados de seus negócios na internet, não é mesmo?

E, aposto que foi justamente esses resultados que acenderam uma luz em sua cabeça para trabalhar em casa como afiliado(a), certo?

Pois é, claro que eu não vou dizer que é impossível ter aqueles resultados que muitos mostram, pelo contrário, é super possível e eu mesma sempre estou buscando melhorar os ganhos mês a mês.

Mas, o que esses “anúncios” e prints de ganhos não mostram é toda infraestrutura necessária para ganhar dinheiro trabalhando em casa.

É isso que eu vou mostrar nesse artigo, e tenho certeza que se depois de ler esse texto você ainda quiser empreender, é porque está mesmo decidido, e esse é o primeiro passo para dar certo: acreditar!

Renda extra em casa – Principais PRÓS de ser o próprio patrão

Todo mundo que quer trabalhar em casa acha que será a melhor coisa do mundo, porque vê apenas o lado bom da coisa.

Porém, quando o trabalho realmente começa, os primeiros obstáculos podem se tornar intransponíveis, e é o que faz a maioria das pessoas desistirem no meio do caminho.

Veja abaixo, os principais PRÓS de ganhar renda extra em casa:

1 – Liberdade geográfica

Quando você trabalha pela internet a necessidade de ter um endereço fixo deixa de existir.

Usando um notebook, ou mesmo o celular, dá para gerir um negócio de afiliado de qualquer lugar do mundo.

Assim, mesmo que você saia de férias, ou precise viajar por algum motivo, poderá ver tudo que está acontecendo e ficar mais tranquilo.

2 – Horário flexível

Sem dúvida, o sonho de todo novo empreendedor é poder dormir até mais tarde durante a semana.

Sim, isso é possível, mas com o tempo perceberá que quanto mais cedo levantar, mais produtivo será o dia.

Outro ponto importante dentro desse assunto horário: muitas vezes o dia terá hora para começar, mas não terá hora para acabar.

Virar noites trabalhando é uma coisa muito comum na vida do empreendedor, seja de qual nicho de mercado for.

3 – Estar mais perto da família

Muitas mães começam a querer ganhar renda extra em casa para poder acompanhar o crescimento dos filhos.

Pais de primeira viagem também querem fazer isso, para ajudar a esposa nos primeiros tempos do bebê.

Sem dúvida, trabalhar em casa permitirá que faça isso, e com certeza é mesmo muito gratificante poder estar em casa para levar os filhos para a escola, ou ir busca-los e estar sempre próximo quando precisam.

4 – Possibilidade infinita de ganhos

Esse é o ponto principal pelo qual as pessoas querem trabalhar na internet.

A possibilidade de ter ganhos infinitamente superiores a qualquer cargo médio/alto de uma empresa.

Como falei lá em cima é possível sim ter esses ganhos, basta estruturar bem seu negócio e, principalmente, ter um planejamento e segui-lo.

O bom de trabalhar na internet é que os ganhos vão aumentando gradativamente, dando tempo de se acostumar com as novas possibilidades e sem causar deslumbramento.

No começo, pode ser difícil se imaginar ganhando 4, 5 e até 6 dígitos, mas conforme as coisas forem fluindo e os projetos estiverem rodando, a coisa muda de figura e se torna real.

5 – Mais qualidade de vida

Poder almoçar em casa e comer uma comida mais saudável, não ter mais o estresse de se locomover em transporte coletivo lotado, ou pegar trânsito caótico.

Não precisar mais fazer coisas que não gosta e no final do mês ter um salário que não dá para nada.

Todos esses fatores colaboram para a diminuição do estresse, consequentemente diminui a produção de cortisol que é o hormônio “ruim” que envelhece as células precocemente.

Só de não ter um horário rígido a mente já começa a ficar mais descansada e a imaginação flui mais facilmente.

Sem dúvida, ser o próprio patrão melhora muito a saúde.

6 – Crescimento pessoal e profissional

Conforme os ganhos vão chegando, vai havendo a necessidade de saber mais, de aprender coisas novas tanto para negócios, como para si mesmo como pessoa.

Com a liberdade financeira vem a possibilidade de fazer cursos mais caros e mais profundos, fazer viagens, aprender idiomas e ter mais cultura.

Quando a mente se emoldura dentro do empreendedorismo tudo se torna uma oportunidade de negócio, e começamos a ajudar outras pessoas a terem esse crescimento também.

Os parentes e amigos que, no começo não apoiavam, começam a ver os resultados e a mudança, e passam a querer saber como tudo isso funciona.

Ser empreendedor na internet permite melhorar a sua qualidade de vida e da sua família, o crescimento só vai beneficiar todos que estiverem perto de você.

10 Sites para Ganhar Renda Extra na Internet

Nesse vídeo eu apresento 10 Sites para Ganhar Renda Extra na Internet Trabalhando em Casa, um deles pode ser a opção que você procura para ter renda extra em casa.

Artigo Sugerido: 10 Ideias de Negócios Lucrativos

Renda extra em casa – Principais CONTRAS de ser o próprio patrão

Bom, agora que eu mostrei os prós de ganhar renda extra em casa, preciso também ser sincera e mostrar os contras, porque eles existem e não podemos ignorá-los. Vamos lá?

1 – Mentalidade empreendedora

É a primeira coisa necessária para se ter sucesso trabalhando na internet.

Se você não conseguir enxergar seu empreendimento como um negócio sério, será muito difícil obter resultados.

O que mais atrapalha na hora de desenvolver a mentalidade empreendedora é que parentes e amigos podem não entender esse momento e começarem a colocar você para baixo, dizendo que não vai dar certo.

Meu conselho aqui é ler bastante sobre empreendedorismo, se cercar de pessoas que pensam igual para manter um padrão excelente de mentalidade.

Os grupos dos cursos são ótimos para fazer uma imersão no assunto, e é por isso que eu sempre recomendo fazer um curso sério antes de começar a trabalhar como afiliado(a).

2 – Disciplina

Não ter horário é ótimo, mas com isso podemos ficar mal acostumados e acabamos não tendo a produtividade necessária para ter sucesso.

Assim, é importante criar uma rotina de trabalho e segui-la, e para isso é preciso ter disciplina.

Ficar longe de distrações, explicar para a família que durante aquele horário você está trabalhando, é importante para começar a praticar as ações necessárias para seu negócio decolar.  

Estipule um horário que não precisa ser espartano e vá adequando de acordo com suas atividades.

É claro que dá para conciliar uma ida ao parque para praticar exercícios, ou um cinema no final de tarde com a família.

O que importa mesmo é a hora que você estiver trabalhando ficar focado(a) para fazer o tempo render o máximo possível.

3 – Múltiplas tarefas

Empreendedor digital que quer ganhar renda extra em casa precisa ser multitarefas.

Você será redator, editor de vídeos, criador de imagens para o blog e para as redes sociais, entender um pouco de programação para mexer na parte técnica do blog, e tudo isso exige um pouco de preparo.

No começo também precisará cuidar da parte administrativa, financeira e contábil, o que não é para qualquer um, por isso assim que puder terceirize essa parte mais burocrática.

Para quem é empreendedor solo (como eu), é importantíssimo encontrar bons profissionais para fazer parcerias e delegar algumas coisas.

Hoje em dia existem redatores freelancer, contadores especializados em trabalho digital, e consultores financeiros.

Acredite, quando seus ganhos chegarem na casa dos 5, 6 dígitos será necessário ter essa equipe ajudando no dia a dia.

Mas, até lá, é você que fará tudo então se cerque de ferramentas que possam facilitar essas tarefas, para não pirar e querer desistir.

Crie seu blog dentro do WordPress para ficar fácil gerenciar, use o Canva para criação de todos os tipos de imagem e faça um curso básico para aprender mexer na edição dos seus vídeos.

4 – Responsabilidade

Quando trabalhamos em empresa como funcionários, temos responsabilidade apenas sobre o serviço que executamos.

Quando nos tornamos nossos próprios patrões a coisa muda de figura porque não existe mais ninguém para delegar, estamos sozinhos no leme do barco.

Agora que você trabalha por conta vai começar a enxergar e se lembrar de coisas que os chefes falavam.

Começamos a entender melhor de custos, passamos a dar mais valor para um serviço bem prestado, e conseguimos enxergar o resultado geral de cada atividade.

O mais importante é que quando alguma coisa der errado, não temos mais ninguém para colocar a culpa, agora nós somos responsáveis pelas vitórias e também pelas derrotas.

Quando houver algum erro, aprenda com ele e não permita que isso te tire do caminho que decidiu trilhar.

5 – Dedicação

Não tem como ganhar renda extra em casa se não houver dedicação ao trabalho.

Seus resultados dependerão única e exclusivamente do tempo que você dedicar ao seu negócio.

Deixar tarefas importantes para fazer depois, não dar importância para o aprendizado dos cursos, custará um valor alto no final do processo.

Lembre-se: é possível ganhar muito dinheiro na internet, mas somente se você colocar a mão na massa e investir tempo fazendo o que precisa ser feito.

Você não vai ganhar comissão se não promover o produto, nem terá um canal no youtube com muitos inscritos se não produzir conteúdo.

Atrelar seus ganhos às suas tarefas é a melhor forma de não perder tempo e realmente agir.

6 – Resiliência

Ter resiliência é saber conviver com o diferente sem perder a própria essência e se permitir aprender em todos os momentos.

O marketing digital é um local onde existem pessoas tóxicas e outras muito legais.

E isso acontece em todo lugar, e por isso é preciso aprender conviver com essas diferenças e tirar um bom aprendizado disso.

Toda vez que pensar em desistir por causa de uma prática ruim que acabou atingindo seu negócio, lembre-se do porquê você está fazendo isso.

Sempre existirão práticas ruins em todo lugar, basta não se envolver e isso não atingirá seu negócio. Foque no bom e positivo.

7 – Isolamento

Muitas vezes para ter renda extra em casa haverá isolamento, porque afinal de contas a empresa toda é apenas você.

Não existe mais um chefe para pedir conselho ou um colega para desabafar um dia ruim.

Isso pode ser bem complicado para algumas pessoas lidarem.

Uma sugestão que eu dou para quem não consegue trabalhar sozinho em casa é usar por um tempo um ambiente de coworking.

Existem locais onde alugam salas/espaços para as pessoas trabalharem e onde você ficará perto de outras pessoas.

Esses locais normalmente tem toda infraestrutura necessária por um valor específico mensal.

Faça uma pesquisa e veja se esse tipo de local se encaixa nas suas necessidades.

Às vezes trabalhar em casa pode ser bastante solitário e mudar um pouco de ares pode ser bem produtivo e desafiador.

8 – Incerteza dos ganhos

Dependendo da forma que você decida trabalhar, os ganhos podem demorar um pouco para aparecer.

Eles começam tímidos e aos poucos é que vão tomando volume, consistência e recorrência.

Até ter recorrência é importante ter um fundo de reserva pelo menos para as contas fixas, assim não ficará desesperado(a) quando o dinheiro não vier do jeito que estava pensando.

Por isso eu sugiro que se você ainda trabalha como funcionário, só saia do seu emprego depois que seus ganhos na internet forem maiores que seu salário cheio (sem os descontos).

É importante ter um planejamento financeiro para não se perder e não gastar o que ainda não pode.

Uma das coisas necessárias quando se tem renda extra em casa é saber administrar tudo do jeito certo para não ter problemas.

O que você achou desse artigo? Desejo que consiga ganhar sua renda extra em casa de forma tranquila e recorrente.

Quais foram seus desafios quando começou a trabalhar por conta própria? Conte nos comentários!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!