Eu Comecei a TRABALHAR NA INTERNET por AQUI👉

Acesse!


	

Tipos de Empreendedorismo – 8 Principais Existentes no Brasil

Tempo de leitura: 5 min

Escrito por Mafalda Melo

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Conhecer quais são os principais tipos de empreendedorismo que existem é uma boa maneira de se “encontrar” em algum modelo e começar um negócio já sabendo como se posicionar melhor no mercado.

Se você já é empreendedor e ainda não sabe como se encaixa seu trabalho dentro do quadro nacional, esse artigo tirará todas dúvidas que possa ter sobre esse assunto.

Quando falamos de o que é empreender na prática, acabamos não prestando atenção no tipo de projeto que estamos lançando/montando, e saber onde ele se enquadra pode ajudar a dirimir dúvidas mais comuns que podem surgir.

Como o Brasil é um país muito voltado ao empreendedorismo, todos os dias surgem novas formas de negócios, e é por isso que a lista dos tipos de empreendimentos muda a todo instante.

Por exemplo, você sabia que as pessoas que abrem uma franquia de alguma marca famosa, constituem um tipo específico de empreendedorismo?

E que cada tipo tem suas características próprias e pode ser uma forma de mais pessoas empreenderem a partir de várias opções que existem e que se enquadram melhor no perfil de cada um?

Agora que você entendeu que ter várias formas de empreender é muito melhor para alcançar mais perfis empreendedores, veja abaixo os 8 tipos de empreendimentos que existem no nosso país.

8 tipos de empreendedorismo comuns no Brasil

tipos de empreendedorismo

1 – Empreendedorismo Digital

Basicamente, o empreendedor digital é aquele que possui um negócio que funciona 100% através da internet.

Um exemplo muito conhecido aqui no Brasil dessa categoria de empreendedorismo é a pessoa que trabalha como afiliado, e que usa a internet para ter TODOS os seus ganhos.

Dentro desse conceito é bem fácil entender que os donos de lojas virtuais que precisam manipular estoque e ter logística de entregas, não se enquadram nesse tipo de empreendedorismo.

Agora uma pessoa que tem uma loja virtual e trabalha com dropshipping, essa sim é um empreendedor digital, pois não precisa manipular o estoque nem enviar produtos aos clientes.

2 – Empreendedorismo Social

Diferente dos outros modelos de negócios onde o lucro é a meta mais importante para ser alcançada, no empreendedorismo social ele fica em segundo plano, além de ter um destino muito específico.

Nesse tipo de empreendimento o foco está no desenvolvimento, que pode ser de uma escola, uma comunidade inteira, ou uma causa para o meio ambiente.

Essa forma de negócio ajuda a oferecer produtos e serviços para populações que, normalmente acabam sendo excluídas do mercado tradicional por sua condição socioeconômica. 

Esses empreendimentos ajudam a combater a pobreza e diminuir a desigualdade que existe em várias comunidades pelo Brasil afora.

Esses negócios normalmente se sustentam com a captação de doações, ou ainda venda de produtos específicos onde o lucro é todo revertido para aumentar o alcance de público.

3 – Empreendedorismo Individual

Também chamado de empreendedorismo “solo” pois é composto por apenas uma pessoa que é dona e operadora do negócio.

É um dos tipos de empreendedorismo que mais cresceu nos últimos anos no Brasil, principalmente depois da criação do MEI – Microempreendedor Individual.

Nessa categoria estão as pessoas que trabalham sozinhas seja produzindo e vendendo produtos, ou prestando serviços.

A vantagem de se um MEI é que o empreendedor passa a contar com vários benefícios e paga um valor bem pequeno todos os meses para continuar operando com seu CNPJ.

4 – Empreendedorismo Informal

Mais de 40% da população brasileira pratica essa forma de empreendedorismo no Brasil, o que faz com que a taxa de desemprego fica sempre bem alta todos os anos.

Aqui estão todos os trabalhadores que ganham algum dinheiro, mas que não pagam impostos, nem possuem um registro seja de Prefeitura, Estado, ou Nacional.

O “tio da pamonha”, as barracas que vendem comida nas ruas, e muitos prestadores de serviços operam nessa forma de empreendedorismo e acabam não tendo direito a benefícios como financiamentos, aposentadoria e férias.

5 – Empreendedorismo Cooperativo

Outro dos tipos de empreendedorismo que funciona bastante bem aqui no Brasil é o sistema de cooperativas.

Nesse modelo de negócio várias pessoas se unem e criam um negócio que atende os interesses comuns de todos.

Normalmente essa forma de associação é iniciada por causa da falta de recursos para investimento que cada cooperado possui.

Assim, a partir de uma cultura muito forte baseada no trabalho em equipe, as cooperativas ajudam todos participantes a terem mais exposição para seus produtos e, consequentemente, mais lucratividade.

O lucro individual não é o foco desse projeto de negócio, mas sim fazer o que cada um pode para que todos se beneficiem.

Exemplos mais comuns são as cooperativas de artesãos que são bem fortes no Nordeste, e impactam positivamente milhares de famílias.

6 – Empreendedorismo de Franquias

Lembra que lá em cima falei que ser um franqueado constitui um tipo específico de empreendedorismo?

Pois é! O principal motivo para esse tipo de negócio ter uma classificação própria é o fato do empreendedor não precisar começar “do zero” e ainda contar com uma estrutura de planejamento que já deu certo.

Para se dar nesse tipo de negócio é preciso ter visão para encontrar um produto que seja realmente relevante para o público que já possua um nome consolidado no mercado.

No Brasil, são milhares de empresas que trabalham com o sistema de franquia e existem opções para todos tipos de bolso, o que faz esse ser um dos tipos de empreendedorismo que mais atrai investidores.

Alguns exemplos de franquias famosas: McDonalds, O Boticário, SubWay, Havaianas.

7 – Empreendedorismo Serial

Muito comum nos EUA, o empreendedor serial é aquele que nunca fica parado e está sempre criando um negócio.

Normalmente esses negócios são em vários nichos diferentes o que faz com que a principal característica do empreendedor desse tipo seja a visão de mercado.

Um exemplo de empreendedor brasileiro que pode ser considerado serial é o Silvio Santos, que possui desde um canal de TV até empresas de cosméticos, alimentos e outras.

8 – Empreendedorismo de Herança

Modelo de negócio muito comum no Brasil e que, por suas características bem específicas, recebe um enquadramento diferente no quadro de empreendedorismo.

Aqui o negócio é passado de pai para filho e muitas vezes mantém tradições de várias gerações atrás, mesmo em um mundo dinâmico e informatizado como o de hoje.

O principal desafio de quem herda um negócio de família é fazer com que ele continue sendo lucrativo para as próximas gerações.

10 Negócios Lucrativos e inovadores para começar agora

Nesse vídeo você encontrará os 10 tipos de negócios lucrativos e inovadores para começar a empreender agora.

Clica na imagem para assistir o vídeo!

Então? Você gostou de saber quais são os principais tipos de empreendedorismo?

Desejo que esse artigo tenha colocado luz nesse assunto e que você consiga se “encontrar” e começar um negócio dentro do modelo que mais se conectou.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário




Seja o primeiro a comentar!

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.