Comece a TRABALHAR NA INTERNET por AQUI👉

Acesse!

O que é Marketplace? Vantagens e Desvantagens

Tempo de leitura: 5 min

Escrito por Mafalda Melo

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Entender bem o conceito de o que é marketplace é muito importante para quem está pensando em começar vender na internet, mas não tem muito dinheiro para investir.

Nos últimos anos as vendas em lojas virtuais aumentaram muito, devido à facilidade, rapidez e segurança para comprar online que existe hoje.

Se antigamente as pessoas tinham medo de comprar pela internet, hoje esse quadro mudou completamente, fazendo com que muita gente prefira comprar online, do que ir até a loja.

Abrir uma loja física é um processo lento e muito oneroso devido às várias taxas que devem ser pagas, e também com todo custo das instalações que devem ser arcados.

Por isso, a melhor opção para quem tem produtos e deseja vender, é criar uma loja virtual, ou entrar em um marketplace para começar as atividades com um custo mais baixo.

O que é marketplace e como funciona?

o que é marketplace

Traduzindo literalmente a expressão temos market (mercado) + place (local), então seria um local para fazer negócios.

E é isso mesmo que a palavra representa, e hoje em dia é um dos modelos de lojas virtuais que mais funciona e agrega público de todos os tipos.

Em um local desses existem várias empresas que utilizam o nome e as “instalações” do marketplace para expor e vender seus produtos.

Para entender melhor o funcionamento vamos imaginar que você faz peças de crochê e quer começar a vender, mas não tem dinheiro para criar sua própria loja virtual.

Assim, você faz seu cadastro em qualquer um dos marketplaces que existem atualmente e com isso “ganha” uma loja sua para expor e vender seus produtos, pagando apenas uma comissão pelas vendas feitas.

Veja, como o valor a pagar é apenas quando ocorrem vendas, as pessoas acabam não tendo gastos fixos de loja, como por exemplo os valores mensais pagos para ter uma loja virtual própria.

Principais vantagens dentro do conceito de o que é marketplace

Veja abaixo algumas vantagens de ter uma loja dentro de um marketplace.

  • Custo baixo

Como falei acima, os marketplaces cobram uma taxa de comissão sobre as vendas que cada loja faz.

Com isso você só vai pagar se vender, e dentro de um espaço assim, quanto mais vendas se faz, mais credibilidade se passa para o público, que acaba avaliando as lojas justamente pela totalidade de vendas realizadas.

  • Estrutura de confiança para o público

Os marketplaces são locais de renome como Magazine Luiza e Mercado Livre, o que faz com que o público não tenha medo de entrar e fazer compras.

Como a estrutura de pagamento também é do marketplace, as pessoas não tem medo de colocar seus dados pessoais e financeiros, porque sabem que estão protegidas pela criptografia e lei de segurança.

  • Maior alcance de público

Imagine o marketplace como um shopping center onde milhares de pessoas entram todos os dias, justamente porque é mais prático poder visitar lojas em um único espaço do que ir no endereço de cada uma.

Por isso o conceito de o que é marketplace permite que cada lojista receba uma quantidade de público muito maior do que se tivesse uma loja virtual sozinho.

Principais desvantagens de trabalhar com um marketplace

Existem vantagens e desvantagens de ter uma loja em um shopping virtual, veja abaixo quais são os principais pontos negativos desse tipo de negócio:

  • Alta Concorrência

Como os marketplaces são locais muito procurados por vários tipos de lojistas, dependendo do produto, pode existir muita concorrência.

Por exemplo, na época de final de ano muitos lojistas vendem produtos natalinos que são exatamente iguais, pois revendem dos mesmos fornecedores.

Com isso, para se diferenciar em um shopping virtual a loja precisa ter um diferencial, que pode ser um preço mais baixo, entrega mais rápida, ou algum brinde que chame a atenção do público.

Se você pretende ter uma loja em um local assim deve pensar: Por que as pessoas comprariam de mim e não do meu concorrente que vende o mesmo produto?

Com isso conseguirá achar uma forma de deixar sua oferta mais atraente para as pessoas que pesquisarem pelo seu produto.

  • Falta de autonomia

Uma coisa muito importante para entender é que na funcionalidade de o que é marketplace, as lojas são de propriedade da plataforma.

Ou seja, você precisará atender todas as exigências que o marketplace coloca, ou correrá o risco de ter sua loja bloqueada e excluída.

Outro ponto ruim é que você não terá acesso aos dados estatísticos das pessoas que compram da sua loja, esses dados são de propriedade do marketplace.

Com isso seria impossível fazer uma campanha de marketing exclusiva para os seus clientes.

Justamente por causa das diretrizes de cada shopping virtual as ações de marketing ficam restritas, pois alguns não permitem que se faça anúncios no Google Ads, por exemplo (Política de privacidade do Magazine Luiza).

  • Vulnerabilidade

Por mais que os marketplaces tenham muita fama e sejam empresas renomadas no mercado, sempre pode haver a possibilidade de uma mudança nos negócios, e eles simplesmente fecharem suas portas.

É importante lembrar que a loja que você tem dentro desses espaços, não é sua, é da empresa em questão.

Como os lojistas não tem acesso à base de clientes que compram deles, se o espaço fecha, ou muda as diretrizes, toda a estrutura do negócio vai por água abaixo.

Aqui seria aquele famoso caso de “construir uma casa no terreno de outra pessoa”.

  • Falta de branding

Quando as pessoas entram no Mercado Livre, ou no Magazine Luíza, não prestam muita atenção no nome da loja que estão comprando.

Com isso, a sua marca fica enfraquecida, pois o nome que aparece é o do marketplace.

Reunindo as outras desvantagens acima, é preciso realmente analisar se colocar sua loja apenas dentro de um marketplace é mesmo vantajoso para o negócio.

Também é importante salientar que existem markeplaces que são destinados a públicos e lojistas específicos, como o ELO7 por exemplo, que é direcionado para artesãos e pessoas que gostam de comprar produtos feitos à mão.

Antes de colocar sua loja em um marketplace geral, faça uma pesquisa para ver se não existem locais mais indicados para vender seu tipo de produto e assim ter uma maior chance de lucro e construção da marca.

Empreender Digitalmente: O Que NÃO Fazer no Seu Negócio Digital

Empreender no digital é uma ótima forma de ganhar dinheiro, porém muitos iniciantes trabalham da forma que não funciona. Por isso decidir compartilhar nesse vídeo: O que NÃO fazer no seu negócio digital.

Desejo que esse artigo falando sobre o que é marketplace, e como funciona, ajude você a entender melhor esse conceito e achar uma boa alternativa para criar sua loja na internet.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário




Seja o primeiro a comentar!

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.